Como Ganhar Dinheiro na Internet com Marketing de Afiliados

Você acaba de acessar um e-book interativo!

O que queremos dizer é que você não encontrará só texto por aqui. Você também poderá visualizar vídeos, imagens e etc.


E para que você consiga aprofundar ainda mais neste conteúdo, colocamos alguns links de referência. Toda vez que o texto estiver sublinhado e na cor azul, você poderá clicar em cima e ter acesso a esse conteúdo complementar.


Esperamos que isso te ajude a ter uma ótima experiência com este material. Boa leitura!

INTRODUÇÃO

O mundo não é mais o mesmo!


Terceira Revolução Industrial, mais conhecida como a Era da Tecnologia. E esta época vem sendo marcada por fortes transformações no mercado de trabalho e na forma como as pessoas ganham dinheiro.


No fim dos anos 90, a Amazon, empresa americana pioneira no segmento de tecnologia, lançou uma forma inovadora de vender os seus produtos: ela permitiu que pessoas comuns pudessem divulgá-los e recebessem uma comissão sobre cada venda realizada. Essa estratégia de vendas recebeu o nome de “Programa de Afiliados”.


Nos últimos anos, muito tem se falado sobre trabalhar com divulgação de produtos e ganhar dinheiro pela internet. Você, provavelmente, já deve ter ouvido histórias de pessoas que largaram seus empregos convencionais para começarem a trabalhar desta forma.

Sabemos que isso pode parecer um tabu para você. Mas saiba que essa é uma nova forma de ganhar dinheiro que veio para ficar, pois são vários os benefícios: poder trabalhar de casa, baixo custo de investimento e etc.


Se você chegou até aqui, você está de parabéns! Isso significa que você é uma pessoa empreendedora e deseja conquistar estabilidade financeira e liberdade profissional.


Para te ajudar a trilhar neste caminho de sucesso, preparamos este material exclusivo para você, pelo qual você conhecerá um passo a passo para ganhar dinheiro pela internet com afiliados.

Tudo pronto? Então vem com a gente!

.Antes de começar a ganhar dinheiro pela Internet, o que você precisa saber?.

Confira a seguir alguns mitos e verdades sobre essa grande oportunidade.

.VERDADE:. você terá liberdade para trabalhar de onde e quando quiser

 “Quer dizer que eu poderei trabalhar no conforto de casa e ainda ter horários flexíveis?” Sim, isso é verdade! Uma das principais vantagens de trabalhar pela internet é justamente esta: você terá autonomia para escolher de onde trabalhar e ainda montar os seus horários.

.MITO:. você não precisará ter disciplina

Muita gente não sabe lidar com toda autonomia e flexibilidade que a internet proporciona. Por consequência, essas pessoas não conseguem atingir os resultados esperados e acabam se frustrando. Portanto, se é de seu interesse ganhar dinheiro pela internet, é importante que você não abuse de toda essa liberdade. Tenha em mente que este é um trabalho como qualquer outro e você precisará ter disciplina.

.VERDADE:. você poderá trabalhar fazendo o que gosta

Você já deve ter ouvido aquela frase “escolha um trabalho que você ame e não terás que trabalhar um único dia em sua vida”. Parece um sonho, não é mesmo? Mas saiba que isso é possível no mercado de afiliados. Você poderá, por exemplo, trabalhar divulgando um produto que você gosta ou transformando todo o seu conhecimento em um produto que pode ser vendido. Ótimo, né?

.MITO:. você não precisará mais estudar

A internet é um fenômeno mundial e, cada dia que passa, inovações surgem em seu meio. Entenda que ela será o seu principal instrumento de trabalho e será necessário você conhecê-la a fundo. Portanto, você terá que ficar atento a todas as novidades e, sempre que possível, reservar um tempo para estudar. Em nosso BLOG, temos uma série de materiais ricos e totalmente gratuitos para você se aprofundar neste assunto. Então, fica a dica: não perca tempo e comece logo os seus estudos!

.VERDADE:. você não precisará investir muito dinheiro para começar

Muito se engana quem acha que, para começar a ganhar dinheiro pela internet, é necessário fazer um investimento alto. Na verdade, você aprenderá que existem estratégias que demandam pouquíssimo investimento inicial. Todavia, saiba que você terá retorno em médio a longo prazo se adotar alguma dessas estratégias. Caso você queria ter um retorno um pouco mais rápido, será necessário você investir em anúncios, o que demanda um pouco mais de dinheiro.

.MITO:. você terá de criar um produto.



Como dissemos anteriormente, você poderá trabalhar divulgando um produto que você gosta ou tenha afinidade. Portanto, não necessariamente você precisa criar um produto para começar a ganhar dinheiro pela internet. Ao avançar por esta página, você aprenderá que são várias as possibilidades e formas de se fazer isso. Continue sua leitura com a gente!

.VERDADE:. você poderá lucrar bem mais.


Através da internet, você poderá levar o seu produto ou serviço para o mundo todo. Isso mesmo! Não existem barreiras geográficas para o mundo da web. Por essa razão, você conseguirá escalar as suas vendas e obter muito mais resultados do que se tivesse um negócio local. O que queremos dizer é que você poderá vender para muito mais pessoas e, consequentemente, obter muito mais lucro.

Continue a leitura

.MITO:. você trabalhará pouco.


Vendo tantos benefícios assim, trabalhar pela internet parece bastante vantajoso. E, de fato, isso é verdade! Mas não se engane achando que você ganhará muito dinheiro trabalhando pouco. Na verdade, seus resultados serão diretamente proporcionais aos seus esforços, ou seja, para você conseguir ganhar dinheiro, você terá que trabalhar muito!

AFINAL DE CONTAS, O QUE É MARKETING DE AFILIADOS?

Na Introdução, demos uma pista de como funciona o marketing de afiliados. Agora, vamos expandir esse conceito e entender algumas figuras importantes neste processo.


O marketing de afiliados não é um novo modelo de negócio. Na verdade, em algum momento da sua vida, você já deve ter sido um afiliado e nem se deu conta disso.


Segundo Pat Flynn, autor de um guia sobre o assunto, “Marketing de Afiliados é o processo de ganhar uma comissão promovendo produtos de outras pessoas (ou empresas). Você pode achar um produto que goste, promovê-lo para as pessoas, e ganhar uma parte da renda a cada venda feita”.

Portanto, se você já ajudou um amigo a vender alguma coisa e, em troca, recebeu parte do valor da venda, você participou de um modelo de afiliação.


Sim, o marketing de afiliados é realmente simples e comum no nosso dia a dia. A diferença é que, agora, você pode ajudar as pessoas a venderem através da internet e ganhar dinheiro por isso.

.E quem participa neste processo de vendas e comissionamento?.

Um dos principais agentes neste processo é o Produtor. Essa é a pessoa que irá criar o produto e oferecê-lo na internet. São vários os tipos de produtos que essa pessoa pode criar: cápsulas de emagrecimento, cosméticos, aparelhos eletrônicos, cursos online, e-books e etc.


Outra figura igualmente importante é a do Afiliado. Ele é quem vai divulgar um desses vários produtos oferecidos pelo Produtor e ser comissionado a cada venda que fizer.

Existe, também, o Consumidor. Talvez, este seja o termo que você tenha mais afinidade, afinal, todos somos consumidores. É ele quem paga para ter o produto, ou seja, quem efetiva a compra.


Por último, mas não menos importante, existe a Plataforma. Este é o termo utilizado para denominar o sistema na internet que conectará todas essas pessoas acima. É nela que você poderá cadastrar seu produto ou encontrar o produto ideal para você divulgar. Será a Plataforma, também, responsável por processar o pagamento feito pelo Consumidor e garantir que esse pagamento seja repartido entre o Produtor e o Afiliado.

Bom, agora que você já sabe o que é Marketing de Afiliados e conhece as pessoas envolvidas nesse processo, iremos te dar um passo a passo para realizar a sua primeira venda e começar a ganhar dinheiro.
Vamos lá?

.Como faço para me tornar um produtor ou um afiliado?.

Você já viu que para se tornar um Produtor ou um Afiliado, você precisará de uma Plataforma. Portanto, o primeiro passo para isso acontecer é se .cadastrar na Monetizze..

Mas antes de te ensinarmos como cadastrar um produto ou divulgar os produtos de outra pessoa através da Plataforma, vamos lhe passar quatro dicas importantíssimas que lhe ajudarão muito na hora de vender.


1) Entenda o tipo de produto

Você poderá vender, tanto produtos físicos, quanto produtos digitais. Os produtos digitais, também chamados de infoprodutos, são aqueles que ficam armazenados em um ambiente digital e não conseguimos tocá-los. Podemos citar como exemplos de produtos digitais os e-books, cursos online, vídeo-aulas e etc. Já os produtos físicos são aqueles que, normalmente, recebemos em casa e que podemos ter um contato com as mãos. São exemplos de produtos físicos: suplementos alimentares, aparelhos eletrônicos, cosméticos e etc.

2) Entenda o contexto de venda

O contexto de venda é fundamental no momento em que você for criar ou escolher um produto para vender. Isso te ajudará a compreender com qual recorrência você poderá vender o produto. Estações do ano e datas comemorativas, por exemplo, podem influenciar diretamente nisso. As chances de você conseguir melhores resultados serão muito maiores, caso você decida vender um pote cápsulas emagrecedoras no verão, por exemplo. Isto porque, nessa época do ano, há uma maior procura por este tipo de produto.

3) Escolha um produto que você tenha afinidade

Você conseguirá criar boas técnicas de venda se você conhecer bem o produto que está vendendo. Isto é, você terá muito mais facilidade para convencer seus potenciais consumidores caso você já domine o assunto sobre o produto. Por exemplo, se você é fã de academia, musculação e alimentação saudável, o recomendável é que você venda produtos desse nicho, como suplementos alimentares, consultorias fitness e etc.

4) Entenda o público alvo do produto

É importante que você conheça o público para qual o produto foi feito. Ou seja, é fundamental que você entenda as principais características e hábitos de seus potenciais consumidores. Só assim você conseguirá definir a melhor linguagem para falar com eles, escolher os tipos de conteúdo que você deverá produzir e traçar as melhores estratégias de divulgação.

PASSADAS ESSAS DICAS, VAMOS COLOCAR ISSO EM PRÁTICA

Se você deseja ser um Produtor e cadastrar um produto na Plataforma, para que outras pessoas possam o divulgar, preparamos um artigo completo para você em nossa Central de Ajuda. Para acessar, basta clicar aqui.


Mas se você deseja se tornar um Afiliado, leia o tutorial a seguir:


Após ter feito o cadastro na Plataforma, na primeira página, você deverá clicar no menu “Loja”.

Veja bem, neste menu estão todos os produtos que você poderá promover. Você poderá pesquisar os produtos com base em uma palavra chave, no tipo de produto (físico ou digital), na categoria e, por último, com base no preço.


Você também poderá observar que existe o painel Hall da Fama. Este é um ranking dos produtos com as melhores performances de vendas. Quanto maior o número de BARs, as estrelinhas azuis logo abaixo do produto, melhor o desempenho de vendas deste produto. Além disso, eles estão organizados da seguinte forma:

Dinheiro

Por Faturamento (Digital): Aqui, estão os produtos digitais que conquistaram o maior faturamento em relação às vendas.

Por Faturamento (Físico): Nesta aba, você poderá encontrar os produtos físicos que obtiveram maior faturamento.

Por Quantidade de Vendas (Digital): Você irá encontrar neste campo os produtos digitais que tiveram melhor desempenho em número de vendas.

Por Quantidade de Vendas (Físico): Aqui estão os produtos físicos com maior número de vendas.

Ao clicar na imagem do produto você ainda poderá visualizar mais algumas informações complementares, como a comissão que você poderá receber por cada venda realizada, se há materiais para lhe ajudar na divulgação, tipo de atribuição e tempo de cookie. Em relação a esses dois últimos itens (tipo de atribuição e tempo de cookie), é importante que você preste atenção neles.

Tipo de Atribuição: O Márcio Motta, CEO da Monetizze, preparou um vídeo explicando bem como funcionam os Tipos de Atribuição.
Confira o vídeo abaixo

Tempo de Cookie:

Esse item indica o tempo que vai durar a indicação de venda originada de um afiliado. Suponha que o Produtor tenha configurado o Tempo de Cookie para 6 meses. Nesta hipótese, você só receberá a comissão caso a venda seja feita em até 6 meses após você ter feito a indicação do produto para alguém comprar.

Agora que você já encontrou o produto que tem tudo a ver com você, basta clicar em “Promover esse produto”, ao final da página.


Pois bem. Depois de concluído este tutorial, é muito importante que você guarde o link de divulgação do produto.


É através desse link que o Consumidor conseguirá chegar até o site do seu produto e realizará a compra. Também, é com esse link que a Plataforma conseguirá identificar qual afiliado fez a divulgação do produto e, assim, garantir a ele a comissão sobre a venda.

Portanto, você deverá utilizar o link de divulgação em todas as suas campanhas.


Para obter o link, basta você acessar o menu Produtos > Meus Produtos e clicar em cima do link que vai aparecer. Depois, clique no menu URL e verifique os links de divulgação que estarão disponíveis. Pronto, basta copiar e colar!


Já está quase tudo pronto para você começar a vender. Só falta aprendermos algumas técnicas e formas de divulgação. Continue acompanhando conosco!

.E AGORA? COMO FAÇO PARA DIVULGAR OS PRODUTOS?.

Já falamos aqui em como a internet tem revolucionado a vida das pessoas. Já não somos mais os mesmos e, hoje, somos extremamente dependentes dela.

Utilizamos a internet para buscar a solução de uma simples dúvida e até para nos relacionarmos com outras pessoas. São infinitas as formas de interação e vários os canais de comunicação que ela nos oferece.


Já que estamos o tempo todo conectados à internet, por que não usar disso a favor de suas vendas? A partir de agora, vamos aprender um pouco mais sobre canais de comunicação na internet e a melhor forma de promover os seus produtos através deles.

1- Tenha uma página de vendas (landing page) para o seu produto

É super importante que você tenha uma página na web para vender o seu produto. Talvez, este seja um dos principais canais que possa ter. Afinal de contas, é através da Página de Vendas que você descreve as características do seu produto, apresenta os principais benefícios e coloca todos os seus argumentos de persuasão.


Agora, você deve estar pensando em como criar uma página de vendas, não é? Se você não entende muito de programação na web, a primeira coisa que deve passar na sua cabeça é contratar alguém que faça isso no seu lugar. Mas fique tranquilo, pois isso não será necessário! Temos uma solução para você!

Através da Plataforma, você poderá criar as suas próprias páginas de venda, com o Convert Pages. Trata-se de uma ferramenta super simples e intuitiva, que não requer que você tenha qualquer tipo de conhecimento prévio com programação. Para aprender a usar o Convert Pages, acesse a nossa Central de Ajuda.


Ainda, temos um post em nosso blog que vai te ensinar direitinho como criar uma Página de Vendas que irá alavancar os seus resultados! Basta clicar aqui para ver. 

2- Tenha presença nas Redes Sociais

Se você quer ter visibilidade na web, você precisa marcar presença onde seu público está presente.


Segundo dados levantados pela E-marketer, mais de 100 milhões de brasileiros fazem uso de Redes Sociais como Facebook, Instagram, Youtube e Whatsapp. Sendo assim, estar conectado a essas redes é fundamental para qualquer tipo de negócio hoje em dia.

Através delas, você pode se aproximar do seu público e obter informações relevantes para compor a sua estratégia, como comportamento e hábitos de consumo.


Além disso, as Redes Sociais são portas de entrada para outros canais de vendas que você tiver, como, por exemplo, sua página de vendas, seu blog e etc.

Nós preparamos um post com os 5 maiores erros que a maioria dos afiliados comete ao aplicarem suas estratégias de vendas nas Redes Sociais. Sugerimos que você leia esse conteúdo para não cair no mesmo engano. 

FACEBOOK

No Facebook, o ideal é que você crie uma página específica para o seu negócio. Se você ainda não sabe como fazer isso, o próprio Facebook te ensina como fazer aqui. É bem simples!


São várias as vantagens de se ter uma página nessa rede, pois além de te conectar ao seu público, ela permite que você publique conteúdos relevantes e em vários formatos, como textos, imagens, vídeos, áudios, infográficos e etc.


Além disso, caso você opte por uma estratégia de anúncios, você só conseguirá colocar ela em prática caso você possua uma página ativa.

INSTAGRAM

No Instagram, você deverá investir forte no visual. Afinal de contas, essa Rede Social foi criada pensando no compartilhamento de fotos. A dica é que você utilize imagens de boa qualidade para conseguir a atenção de seu público.


Outra dica bastante valiosa é que você use e abuse de sua criatividade nos Stories. Pesquisas apontam que essa é uma ferramenta que vem crescendo e sendo utilizada cada dia mais pelos usuários.


Se você quer extrair o máximo de valor que essa Rede Social pode oferecer, a última dica que deixamos é que você leia este post em nosso blog. Lá, além de aprender como configurar a sua loja online dentro da própria rede, você vai aprender a utilizar várias outras ferramentas.

YOUTUBE

Você sabia que o Youtube é a 2ª maior ferramenta de pesquisas na internet? Pois é, ele fica atrás apenas do Google neste segmento. Portanto, estar presente nessa Rede Social é igualmente importante para que seu público consiga te encontrar.


A dica é que, no Youtube, você produza conteúdo para entreter e educar o seu público. Além disso, é importante que você publique este conteúdo com certa frequência e explore o poder das marcações e das hashtags nele. Quanto mais você fizer isso, maiores as chances de você ser encontrado e aumentar a sua audiência.

WHATSAPP

Muita gente ainda não sabe, mas é possível ter ótimos resultados de vendas através do Whatsapp. Entretanto, é importante que você tome cuidado para não ser invasivo ao utilizar essa rede.


Mas, se você quiser ter um excelente retorno utilizando essa ferramenta, a dica é que você explore ainda mais a sua criatividade e crie mensagens personalizadas para cada pessoa que você for entrar em contato.


Evite enviar mensagens em massa e criar grupos que não contribuirão para engajar o seu público. É importante que você não ignore as dúvidas e dê suporte ao seu público sempre quando for solicitado.

3- Utilize um serviço de e-mail marketing

Caso o seu potencial cliente tenha demonstrado interesse em receber informações e promoções sobre o seu produto, você pode fazer isso através do envio de e-mails para ele.


Um estudo feito pela Adobe aponta que 58% do público prefere receber este tipo de conteúdo através de e-mail do que por outros meios. Portanto, o serviço de e-mail é uma excelente ferramenta para você se conectar ao seu público e, ainda, conseguir otimizar as suas vendas.

E olha só essa: o envio desses e-mails pode ser de forma automatizada! Para você entender melhor como isso funciona, vamos supor que seu potencial cliente forneça todos os dados de pagamento para realizar a compra do seu produto, mas acaba desistindo por qualquer outro motivo. Neste caso, você poderá configurar o seu serviço de e-mail marketing para enviar uma mensagem automática para ele, lembrando-o de concluir a compra.


Na internet, existem vários serviços de e-mail marketing disponíveis de forma gratuita. E sabe o que é melhor? Você poderá fazer a integração desses serviços diretamente com a Plataforma. Aqui neste artigo, nós vamos te ensinar um passo-a-passo para você fazer essa configuração.

4- Tenha um Blog

Muitas pessoas costumam a subestimar o poder que essa ferramenta pode ter. Na verdade, para que você possa garantir as primeiras colocações nos resultados de pesquisa do Google, é indispensável que você tenha um blog.


O Google possui um mecanismo que consegue fazer uma leitura de seu site e quanto melhor for o conteúdo dele e a frequência com que é postado, maiores as chances dele ocupar o topo dos resultados de pesquisa.

Como um site costuma ser estático e sofrer poucas mudanças, a melhor forma de postar conteúdo de qualidade e com recorrência é atrelando um blog ao seu site.


Outra vantagem é que manter um blog demanda pouquíssimo investimento e ainda suporta vários formatos de mídia, além do texto.


E os benefícios não param por aí! Ter um blog é uma excelente oportunidade para engajar o seu público, tirar as dúvidas, ensinar a fazer algo e ainda mostrar que você é fera naquilo que você faz!

5- Crie uma estratégia de anúncios pagos

Até aqui, nós te mostramos alguns canais de divulgação gratuitos ou que demandam baixo investimento financeiro. Entretanto, é importante que você invista em uma estratégia de anúncios pagos também.


Isto porque eles podem lhe trazer resultados mais rápidos do que qualquer outra estratégia de divulgação. Neste post explicamos as diferenças entre essas estratégias e porque os anúncios se destacam quando o assunto é retorno em curto e médio prazo.

Os anúncios pagos podem ser feitos através do Google Ads e, também, pelo Facebook. Os anúncios feitos pelo Google, irão aparecer no resultado das pesquisas e também em sites parceiros. Já os anúncios feitos pelo Facebook serão mostrados na própria rede social e no Instagram também, já que essa última é controlada pela primeira.


Nós criamos um artigo com dicas específicas para criar anúncios no Facebook. Se você quer ter um ótimo retorno com essa estratégia, a sugestão é que você dedique um tempo para este tema.

JÁ SEI COMO VENDER PELA INTERNET. QUAL O PRÓXIMO PASSO?

Você lembra que te dissemos que trabalhar com afiliados lhe demanda muito esforço e estudos contínuos? Pois é, se você acha que saber vender pela internet é o suficiente para começar a ganhar dinheiro, nós nos sentimos no dever de te informar que as coisas não param por aí. Para você ser um profissional de sucesso neste mercado, é necessário que você adquira outras competências que vão muito além!

Vamos ver algumas delas!

1- Trace uma estratégia de pós vendas

O processo de vendas não termina assim que o dinheiro entra no seu bolso. Antes e depois de usar o produto que você vendeu, é comum que seu cliente tenha algumas expectativas, dúvidas e reclamações. Portanto, é necessário que você esteja pronto para atender a todas elas. Caso você consiga fazer isso de maneira satisfatória, são grandes as chances de você fidelizar o cliente. E é bem provável que um cliente fidelizado volte a comprar com você. E o melhor: ele ainda irá fazer propaganda positiva do seu negócio!

2- Planeje-se!

Com um bom planejamento, você consegue prever as oportunidades e os riscos do seu negócio. Assim, você saberá a hora certa de colocar cada uma de suas estratégias em prática. E não ache que você deverá ter apenas um planejamento de vendas. Reserve parte do seu tempo para estudar finanças, contabilidade, gestão e estruturar um planejamento para essas áreas também.

3- Mensure os seus resultados

Medir os resultados é fundamental para avaliar o desempenho e traçar as melhores estratégias para o seu negócio. É muito difícil saber controlar o que não se mede. Assim, precisamos sempre mensurar os resultados para saber onde estamos, aonde queremos chegar e o que precisa ser feito para chegar onde desejamos.

Deseja receber mais informações sobre o Mercado de Afiliados no seu e-mail?

Preencha então o formulário ao lado e enviaremos todo o conteúdo do Blog da Monetizze diretamente para a sua caixa de entrada!

PARA MAIS INFORMAÇÕES, ACESSE O BLOG DA MONETIZZE

Clique no botão abaixo e tenha acesso a todas as novidades do Mercado Digital e de Afiliados. O Blog da Monetizze foi criado para você!

Acesse o nosso Blog

Monetizze © 2019 | Todos os direitos reservados